Balanço positivo de um projeto jovem

Hélder Rodrigues a 100% no Top 10 do Dakar

Com a festa de encerramento do Dakar a brilhar nas ruas de Santiago do Chile, Hélder Rodrigues completou mais uma participação no Dakar, onde se apresentou aos comandos de uma Honda CRF 450 Rally e como piloto nº 1 do Team HRC, no regresso do construtor japonês às competições de todo-o-terreno, onde se destacou na década de 80 através da conquista de cinco edições desta mítica prova.

Apesar de ambicioso, a juventude do projeto limitou as naturais intenções do piloto português lutar pelo triunfo, mas foram essencialmente as três paragens forçadas já na ponta final da 2ª, 3ª e 11ª etapa que retiraram a Hélder Rodrigues a hipótese de lutar até ao fim por um lugar no pódio. De assinalar o facto de o piloto da Honda, Red Bull e TMN registar posições no Top 10 em todas as suas participações no Dakar, um palmarés apenas superado por Cyril Despres, o vencedor desta edição de 2013.

“Foi um grande desafio e uma enorme honra para mim fazer parte deste projeto e representar as cores da Honda no Dakar. Não estou naturalmente feliz com o meu resultado em termos de posição final, porque com esta equipa e com esta máquina creio que tinha potencial para lutar pelo pódio, mas não nos podemos esquecer que este é um projeto jovem e não pudemos testar tanto quanto nós gostaríamos. Tivemos algum azar e também alguns problemas de combustível na segunda e na terceira etapas, que prejudicaram o nosso resultado, mas a equipa esforçou-se muito e a moto evoluiu significativamente depois do dia de descanso. Estou muito satisfeito de estarmos todos aqui em Santiago e sei que a equipa está muito motivada para continuar esta experiência”, salientou Hélder Rodrigues em Santiago do Chile.

PR_HelderRodrigues_Dakar 2013_20 de Janeiro de 2012

Fonte: A2 Comunicação

(124)